Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Henna e Pós Naturais



Olá minhas crianças queridas!!!
Atendendo ao pedido de uma leitora do blog a Ana Clara, venho hoje falar mais detalhadamente sobre a henna.
O que é Henna?
É uma planta com pequenas flores brancas e perfumadas, pode ser um arbusto alto ou uma árvore pequena, 2,6 m de altura (Lawsonia inermis Linné, também chamada de árvore de henna), crescem em países de clima quente como África, China, Marrocos, Egito e Índia, das suas cascas e folhas secas são trituradas e assim é extraído um corante que vem sido utilizado para colorir o cabelo a mais de 6.000 anos no Egito antigo, também na Índia, Oriente médio e África.



Características da henna:
Então a Henna não é um produto químico e sim uma pequena árvore ou arbusto que cresce no deserto, suas folhas são secas e transformadas em pó cujo a coloração é esverdeada, por ser um produto natural não produz reações adversas, penetra nos fios com muita facilidade devido a afinidade entre a henna e a queratina dos fios.

Um pouco da história da henna

Na Arábia e outros países do oriente existiam as "casas de banho" denominadas "Hamman" lugar onde os homens iam para tomar banho, relaxar, socializar com amigos, obter massagens e limpeza dos cabelos e barbas, onde seus cabelos e barbas grisalhos eram tingidos de henna e em seguida de índigo em ocasiões especiais.
No final do século XIX alguns viajantes ocidentais foram conhecer as "Hammans" e se horrorizaram ao ver seus cabelos e barbas cheios daquela pasta esverdeada e eles não tinham como dizer ao barbeiro "pare!!! que mistura é essa?"... então a surpresa foi grande após a mistura ser retirada com água, viram os fios grisalhos desaparecerem dando lugar a cabelos e barbas negros, brilhantes e saudáveis, a partir daí a henna ganhou fama no ocidente.


Os indianos têm uma explicação romântica para a origem da Henna. Segundo eles, o deus Shiva não olhava mais para as mulheres depois de ter ficado viúvo. No entanto, Parvati apaixonou-se por ele e fez de tudo para chamar sua atenção. Um dos artifícios usados foi aplicar tatuagens de Henna nas mãos, que se tornaram muito sensuais. Seu esforço para conquistar o coração do poderoso deus valeu a pena, e ela não demorou a se casar com ele. “A Henna representa a força da mulher e está associada à feminilidade”, explica Sundari Shakti, coordenadora do Instituto Yaat de Cultura Indiana, em São Paulo.


Quais os benefícios da henna para os cabelos?
É usada para tingir, fortalecer, dar brilho, tornando os fios mais macios,sedosos, bonitos, elimina caspas, protege os cabelos dos danos causados pelos raios Ultra Violeta, para quem não quer mais colorir ou tratar os fios com química, para quem é alérgico ás químicas, para quem está passando por terapia, para gestantes ou lactantes, algumas pessoas sentem que os seus cachos se "abrem" ou que seus cabelos relaxam ou alisam, já outras não sentem essa reação.
Mas os benefícios acimas são vistos apenas nas hennas sem aditivos químicos, logo abaixo entrarei em mais detalhes sobre tais aditivos químicos.
*A henna reaviva a cor natural ou escurece, porém não clareia os cabelos.


Existem quantas cores de henna?
Não existe henna negra, incolor, loira, marrom, castanha ou qualquer outra cor que não venha do vermelho-alaranjado, este vermelho-alaranjado vem da nervuras centrais das folhas Lawsonia inermis que são desta cor.
A gama de cores existentes para a henna é o resultado da mistura de corantes de outras plantas.

Alguns exemplos:

Henna negra, castanha ou marrom: Temos o anil corante índigo (utilizado para tingir o jeans de azul marinho) que utilizado junto ou após a henna deixa os fios negros, castanhos ou marrons, também podem ser utilizados folhas de nogueira, de chá preto ou café.


Henna incolor ou neutra: Na realidade é utilizada outra planta chamada cássia obovata e não a henna  que é um excelente condicionador para cabelo, dando brilho, corpo e tornando o couro cabeludo saudável, muito utilizado após tintura ou química, reparando os danos causados pela química, possui ótimos inibidores de fungos, ácaros, seus elevados níveis de ácido anthraquinones e crysophanic servem para tratar eczema, prurido cutâneo e infecções em seres humanos, promovendo assim saúde no couro cabeludo e nos fios.


Henna vinho ou acajú: Misturada ao hibisco planta conhecida para tratar queda capilar, anticaspa e por atrasar o surgimento dos fios brancos.

 

Todas as cores:  São enriquecidas com Amla é uma planta que tem níveis elevados de ácido ascórbico, previne infecções no couro cabeludo, tem um efeito tônico, estimula o crescimento, tem um alto poder anti oxidante, doa brilho aos fios e retarda o surgimento dos fios brancos e com o Shikakai conhecido como ”alimento para cabelo” o pó  tem a função de eliminar as impurezas, deixar os cabelos limpos, saudáveis, macios e vigorosos. O shikakai, possui em seu pó propriedades condicionante, ajudando a desembaraçar os fios, ajuda no crescimento capilar e combate fungos no couro cabeludo.



Afinal a henna faz mal para a saúde ou não?
A henna100% natural produzida com pura henna e adição de outros corantes também 100% naturais (os pós indianos) não traz nenhum mal a nossa saúde e nem a nossos fios, porém nas Américas não existem plantações de henna, assim a henna vem da Turquia, Egito, Irã, Marrocos, Argélia, Índia, África e países do Oriente médio que exportam a henna para o restante do mundo, no início dos tempos... no ano de 1900 a henna era 100% pura, porém com o passar do tempo as empresas viram que a adição de corantes químicos (os mesmos utilizados nas tinturas de cabelo), tornava seu negócio altamente rentável, começaram então a misturar esses corantes em suas hennas antes 100% puras, como nesses países não são exigidos a relação dos ingredientes que estão dentro de cada caixa de henna, assim bastava classificar como henna e pronto,  a exportação era realizada, e o produto era classificado como puro, quando na verdade as hennas eram "batizadas" com aditivos químicos como metais pesados, chumbo, cobre, corantes artificiais, sintéticos, para-fenilenodiamina, PPD, assim os benefícios da henna foram esquecidos em favor de um sistema mais barato e os perigos desses corantes foram ignorados.
Assim a associação da henna à reações alérgicas fatais e reações como feridas no couro cabeludo, bolhas, vermelhidão, coceira, perda de cabelo, asma, choques químicos em cabelos com químicas anteriores, então as pessoas pararam de usar a henna ligando tais reações a alergia à henna.


Mitos sobre a henna:
Derrete cabelo, causa encapamento, acumula, não é natural.
esses problemas ocorrem quando a henna possui metais pesados ou compostos químicos adicionados a ela.
Hoje em dia a henna continua sendo a favorita entre as tinturas no Norte da África, na Península Arábica e Sul da Ásia, embora a maioria no ocidente prefira tinturas químicas pois consideram que "moderno deve ser melhor", outros preferem henna por tornar seus cabelos saudáveis e bonitos.


Henna causa alergia?
Todos nós temos alergia a algum tipo de alimento, cosmético, bichos, tecidos, poeira, clima ou medicamento, saiba que mesmo sendo de origem natural alguns alimentos, cosméticos ou medicamentos não deixam de ser alérgicos, então se o indivíduo é pré disposto a ter alergia a planta henna assim o terá, isso não significa que a henna causa ou desencadeia alergia em pessoas que não tenham já a pré disposição para isso.

Tabela de quantidades de henna:
Cabelos curtos = 100 gr henna
Cabelos até o ombro = 200 gr de henna
Cabelos abaixo do ombro = 300 gr de henna
cabelos até a cintura = 500 gr de henna 

Como preparar a mistura?
A consistência tem que ser a mesma de um purê de batatas.
Os pigmentos da cor levam em média de 12 a 24 horas para se desprenderem e estarem prontos para a mistura ser aplicada nos fios, também precisa de um líquido ácido para o desprendimento ocorrer 100%, logo precisamos preparar a mistura no mínimo 12 horas antes da aplicação e de preferência com uma mistura ácida.

Várias formas de misturar a henna:
Com Iogute ou leite integral: Para fios ressecados, porém se você possui caspa não utilize, prefira fazer uma umectação com óleo 100% vegetal antes de lavar os fios, aplicar a henna e fazer uma hidratação após enxaguar a henna, assim os fios não irão ressecar. (esta mistura deve descansar por no mínimo 12 horas na geladeira, coberta por um filme plástico e longe da luz).

Com água quente: Na embalagem o indicado é fazer a mistura com água quente mais o pó de henna, e aplicar em seguida, essa prática vem do início dos tempos nas "casas de banho" lembra da explicação acima? porém muitas pessoas não gostam do resultado com água quente, onde o pigmento não tinge bem dando um tom fraco e alaranjado. (apesar de não ser o mais indicado, a maioria utiliza assim, devesse preparar e aplicar em seguida)

Mistura ácida (a mais indicada): A cor dura mais e fica mais rica, mais forte e mais escura a cada aplicação.
mistura ácida: suco de limão ou qualquer outro suco puro que seja transparente ou branco e azedo ou vinho tinto ou vinho branco + henna (porém o vinho tem um cheiro bem forte) não utilize em couro cabeludo ferido ou fios ressecados. 
Fios ressecados ou couro cabeludo ferido faça a mistura fraca assim:
Meio a meio água e suco ou água e vinho tinto ou branco ou água e vinagre de maçã (nesse caso o vinagre e o vinho têm o cheiro forte).
Ao final do processo pode aplicar uma mistura de água mais suco de laranja para retirar o cheiro forte do limão, vinagre ou vinho, para fios ressecados faça uma umectação com óleo 100% vegetal, lave e enxagúe bem antes da aplicação da henna e faça uma hidratação após enxaguar a henna. (deve-se preparar e deixar descansar por 24 horas coberto por um filme plástico, em temperatura ambiente, longe da luz).


Não misture óleo na sua henna poderá impedir o corante de agir 100%.

Como saber se a henna que utilizei possuía metais pesados ou corantes químicos?
Este também serve como teste de mecha antes da aplicação de outras químicas após a utilização da henna.
Recolha alguns fios de cabelo de sua escova ou pente.
Faça a seguinte mistura:
Em um recipiente de vidro e com utensílios de plástico coloque 30 ml de água oxigenada e 20 gotas de amônia 28% (mesma base sintética das tinturas)
Ponha o cabelo recolhido dentro da mistura.
Se há chumbo na henna que você utilizou, seus cabelos irão mudar de cor imediatamente.
Se há nitrato de prata na henna que você utilizou, não haverá mudança de cor pois há nitrato de prata no revestimento dos cabelos ou se o nitrato de prata se desprendeu do seu cabelo resultará em fios esverdeados.
Se há cobre na henna que você utilizou, seu cabelo irá ferver, aquecer, terá um cheiro horrível e o fio irah se desintegrar.

Passo a passo aplicação da henna:
Você irá precisar de luvas plásticas, touca de banho, toalha de rosto que possa manchar, creme, xampu, condicionador, máscara de hidratação, papel toalha, pente de plástico de dentes largos, utensílios de plástico para fazer a mistura. (espátula e tigela)
- Após descanso da mistura você pode acrescentar 2 col de sopa de mel (aqueça antes para ficar ralo e fácil de misturar), o mel além de nutrir irá ajudar a firmar a cor.
- Coloque as luvas nas mãos.
- Coloque a toalha nos ombros.
- Com os fios limpos divida os cabelos em 4 partes.
- Proteja testa, orelhas e nuca com creme ou vaselina.
- Comece a aplicação pela nuca, com o auxílio da espátula.
- Aplique uma quantidade generosa em toda a raiz.
- Depois com o auxílio do pente espalhe até as pontas.
- Espalhe com as mãos para que a mistura fique homogênea.
- Cubra com a touca de banho.
- Com a ajuda do papel toalha limpe o excesso de henna que ficou na testa, orelhas e nuca.
- Deixe agir de 1 a 4 horas.
- Enxague com bastante água.
- Lave como de costume ou faça co-wash
- Aplique uma máscara de hidratação.
- Deixe agir conforme modo de usar.
- Enxague e finalize como de costume.

Conservação da henna pura:
Se você tem o pó 100% henna (vindo da Índia), guarde-o no freezer e tenha sua validade por um ano.
Não congele os outros pós naturais (índigo, Amla ou Shikakai), apenas guarde-os em embalagens fechadas hermeticamente em uma gaveta livre da luz.

Melhores marcas na minha opinião:

Hennas nacionais sem adição de químicas: Weleda e Surya Brasil
Hennas puras e importadas na internet: Site Mehandi.com

18 comentários:

  1. Adorei o post,vou comprar a incolor esta semana, pq como tenho luzes, não quero escurecer o cabelo ^^

    Gabyzinha, cortei meu cabelo joãozinho, virou um pseudo black power kkkkk mas agora tenho muita pouca química no cabelo e o resto que tem tá beeeeeeem definido, não tem mais tanta diferença entre a parte relaxada e a natural

    bjs e obrigada ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uau Ana!!! Deve estar show... quero ver fotos hein!!!... Parabéns pela coragem amiga... quando eu passei a máquina me senti tão bem... parece que tirei 2 toneladas dos ombros, sem contar que os cremes fazem melhor efeito.
      Quanto a henna incolor eu super aconselho se você puder preparar com chá folhas frescas de alecrim no lugar da água melhor ainda, pois o alecrim além de fortalecer os fios fortalece o bulbo capilar... ajudando no crescimento fortificado dos fios.
      Bjks!!!
      Ah!!! Não deixe de continuar dando opiniões preciosas para nosso blog ok minha criança!

      Excluir
  2. Olá, nossa você arrasa explicando! meus parabens e eu quero tingir meu cabelo de vermelho e cortei ele a pouco tempo e estou virando adepta ou no poo aos pouco estou testando ainda. E sabe é verdade quando cortei meu cabelo tirei um peso dos meu ombros, pareceu ser a coisa certa a fazer, sabe queria mudar e pensei num teria uma transformação melhor pra mim que o natural só que quero mudar a cor. Será que podeira me dar uma dicas para conseguir um tom avermelhado legal?
    beijos e continua assim ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário, eh um prazer saber que estou explicando de uma forma esclarecedora, pois busco utilizar uma linguagem bem simples e clara.
      Bom a henna quando de boa qualidade traz somente maravilhas para os fios, eu testei algumas hennas e na minha opinião a Surya em Creme acaju foi a que deixou um vermelho mais bonito, a cor vinho deixa quase preto, como adepta do no poo, vc pode a cada 3 meses dar um banho de brilho com o tonalizante liberado Casting Creme Gloss da L'Orèal nas cores Borgonha ou Acaju.
      Obrigada pela visita e volte sempre criança.
      Bjks e fik com Deus!!!

      Excluir
    2. Gaby... obrigada por responder.
      Porem eu queria um vermelho mais claro sabe...
      Sim erro meu me perdoe eu faço o Low poo.
      Tem alguma dica pra deixar eles mais claros para usar as heanas com o vermelho mais claro depois??
      bjinhos e obrigada! ;*

      Excluir
    3. Você pode fazer umas mechas leves no comprimento e pontas... fios lisos (use a touca)... fios crespos (separe no papel)... Faça uma mistura de Pó Descolorante Sem Amônia + Água Oxigenada de 10 volumes (também vendida como 3%) que tenha a fórmula estabilizada. Faça as mechas e em seguida aplique a henna.
      Dará um excelente resultado.
      Bjks!!!

      Excluir
    4. Uhum vou tentar fazer, o problema é que sou retardada pra fazer essas coisas kkkkkkkk.Meu cabelo é meio crespo sim e ele é castanho médio será que se eu por a henna vermelha ela vai dar uma corzinha no sol?
      Muito obrigada Gaby pelas dicas e pela paciência! bjnss

      Excluir
    5. Sim prefira acor Acaju, quanto mais vezes você aplicar, a cor vai ficando mais forte... Bjks!!!

      Excluir
  3. quem usa henna pode fazer progressuva depois?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seja muito bem vinda Roselene criança;
      Pode sim, mas cuidado com as progressivas que "encapam" o fio... pois mesmo as que se dizem 0% de formol, pode ser que tenham ativos da família do formol, com isso nem henna, nem tratamentos conseguem agir na fibra por estar com as escamas fechadas e inacessíveis.
      Obrigada por comentar!
      Bjks!!!

      Excluir
  4. QUEM USA HENA FICA COM O LISO CHAPADO IGUAL DO HENÊ? EU USAVA HENÊ ,ESTA LINDO,MAIS FOI QUEBRANDO MUITO,PAREI,GOSTO DO VERMELHO,QUERIA SABER SE ENCHE OS FIOS EM VEZ DE FICAR RALOS COM HENÊ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Roselene, apesar de muita gente relatar uma leve abertura dos cachos com a henna em pó a mesma não tem o poder de alterar a estrutura dos fios, provavelmente a "abertura" dos cachos ocorre devido ao peso que o fio ganha após a aplicação, perdendo o efeito de "peso" apos algumas lavagens.
      Logo a henna não irá alisar seus fios, ela irá colorir e tratar, jah que tem efeito cumulativo, ela irá colorir de vermelho e engrossar os fios a longo prazo.
      Saiba mais sobre henê e henna no seguinte post
      "Feliz com Química Parte II (Descomplicando a Vida)".
      Mais uma vez seja bem vinda e volte sempre.
      Bjks e fik com Deus!!!

      Excluir
  5. Bom trabalho Gaby, parabéns!

    ResponderExcluir
  6. Respostas
    1. Olá criança!!!
      Para quem deseja resultados mais escuros, quanto mais tempo melhor, você pode deixar no máximo 72 horas descansando.
      Bjks e fik com Deus!!!

      Excluir
  7. Como retocar só a raiz com henry quando elá já está aparecendo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá criança!
      Basta aplicar somente na parte crescida com a ajuda de um pincel e seguir o passo a passo normalmente.
      Bjks e fik com Deus!

      Excluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

FAÇA SEMPRE O TESTE EM UMA PEQUENA MECHA, É OBRIGATÓRIO REALIZAR UM TESTE PRÉVIO PARA DETERMINAR SE O FIO POSSUI RESISTÊNCIA PARA SER SUBMETIDO A QUALQUER TIPO DE PROCEDIMENTO, CADA CABELO APRESENTA UM GRAU DE RESPOSTA DIFERENTE PARA CADA TRATAMENTO, NÃO IMPORTA SE OS SEUS FIOS FOREM VIRGENS. OU SE FOR APENAS UM RETOQUE DE UMA QUÍMICA APLICADA SEMPRE.